TIM espaço mulher

Menu

Dicas Esportivas

Turbine seu treino com a faixa elástica

Se você frequenta a academia, deve ter reparado que sempre há uma novidade na hora de fazer exercícios. Novas aulas, movimentos e ferramentas – tudo para atrair a atenção dos alunos e estimular a prática de atividades físicas. A faixa elástica é uma dessas novas ferramentas que está em alta nas academias e têm se mostrado uma excelente opção. Com apenas um elástico é possível fazer um treino fácil e completo que fortalece a coluna, elimina as dores nas costas e, ainda, ajuda a relaxar. Como a resistência adquirida com o treinamento é proporcional à força aplicada, são minimizados os movimentos abruptos que podem sobrecarregar os músculos. Confira!

Exercício ainda mais fácil
O treino usando elásticos é perfeito para reduzir as dores articulares, prevenir quedas e melhorar a mobilidade e a flexibilidade. Treinar com o elástico é a maneira mais simples de alcançar esses benefícios, já que até mesmo em casa os exercícios podem ser feitos. É necessário apenas consultar um profissional antes de começar e ficar atenta na hora de coordenar o movimento, entender a importância de descansar entre as séries, a velocidade dos exercícios e na memorização das séries orientadas para realizar em casa.

shutterstock_171465710Um tipo de faixa para cada tipo de objetivo
A intensidade e os resultados dos exercícios variam de acordo com o calibre do elástico. O nível de resistência é indicado pela cor e pela espessura; quanto mais grosso o elástico, mais difícil será executar os movimentos. Quem está começando deve optar por um elástico de tensão suave, assim se adapta melhor aos movimentos. Mas não pense que escolhendo uma faixa com menor nível de tensão você estará “pegando leve” na malhação, já que o treino com faixas soma a força empregada ao número de repetições de movimentos. E lembre-se: como qualquer equipamento de fitness, as faixas se deterioram com o tempo, devendo ser substituídas para não causar acidentes e lesões.

Na hora do exercício
Não deixe de aquecer o corpo antes de começar a fazer a sequência de exercícios. Polichinelos, movimentos como girar os braços para a frente e para trás e elevar os joelhos lubrificam as articulações e preparam os membros, evitando, assim, a fadiga na musculatura. A frequência deve ser de duas a três vezes por semana em dias alternados e é necessário prestar atenção à rotatividade de cada movimento, alternando sempre. Em relação ao ambiente escolhido, é importante ter espaço livre e bem arejado para a realização dos exercícios.

TIM espaço mulher

Insira o número do PINCODE

· Serviço exclusivo para clientes TIM

· Receba dicas que toda mulher precisa saber!