TIM espaço mulher

Menu
canada goose sale canada goose outlet http://www.skjer.nl http://www.anneshealinghands.nl http://www.canadagoosestore.be/

Saúde

Memória ruim ou Alzheimer? Aprenda a reconhecer os sintomas da doença

Para Sempre Alice
(Foto: IMDB/Divulgação)

Difícil encontrar, hoje em dia, alguém que não tenha tido contato com o Alzheimer, seja dentro da família ou com alguém conhecido. Há dois anos, o emocionante filme “Para Sempre Alice” tratou do tema de maneira sensível e, ao mesmo tempo, realista.

Sim, é uma doença cada vez mais comum, a medida que as pessoas vivem mais, mas, ainda assim, é cercada de dúvidas, mistérios e até preconceito.

Para desmitificar e também informar, pedimos ao nosso colunista e especialista, Dr. Paulo Camiz, dicas de como reconhecer os principais sintomas, uma vez que, assim como todas as doenças, quanto antes descoberta, melhor pode ser tratada.

Alteração na memória recente
Essa é uma das primeiras e mais precoces alterações dessa doença. A pessoa pergunta a mesma coisa várias vezes, por exemplo? Ainda que outros problemas de saúde também possam causar esses sintomas, algo de errado (Alzheimer ou outra doença) pode estar se manifestando.

Piora significativa em relação ao que era antes
Se a pessoa nunca cozinhou na vida não adianta dizer que ela não consegue cozinhar hoje. Mas se ela sempre pegou ônibus/ taxi ou sempre andou pelo bairro e agora está se perdendo, isso deve ser considerado, por exemplo! Situações que afetem a funcionalidade usual da pessoa!

Mudança de comportamento
Aparecem não necessariamente já numa fase precoce, mas também numa fase mais moderada da doença. Alterações do sono, agressividade, alucinações visuais ou auditivas, delírios persecutórios. São sintomas que freqüentemente causam mais transtorno aos familiares e cuidadores do que a própria alteração de memória. Atentar para isso: uma mudança comportamental!

Alterações do estado emocional e nos distúrbios do sono
Se a pessoa está deprimida, com uma ansiedade excessiva, dormindo mal (pelo motivo que for), tudo isso pode afetar o raciocínio e simular muitas vezes um quadro de Alzheimer. Devemos nos atentar a isso porque mais do que o Alzheimer essas doenças tem um tratamento efetivo!

Independente do que foi colocado nos parágrafos acima, é importante estar sempre em contato com um médico qualificado que possa realizar o diagnóstico e tratamento dessa doença no momento mais inicial possível. Estejamos atentos!

Crédito: Fotos IMDB/Divulgação

Clínico geral, professor e geriatra da USP, Hospital das Clínicas, Hospital Israelita Albert Einstein e Hospital Sírio Libanês. Criador do Projeto Mente Turbinada.

TIM espaço mulher

Insira o número do PINCODE

· Serviço exclusivo para clientes TIM

· Receba dicas que toda mulher precisa saber!